Tesouro Direto Dicas – Simulador, Vale a Pena

Tesouro Direto Simulador

Você está querendo inovar nos seus investimentos e sair da tradicional poupança? Ou pretende diversificar os seus investimentos financeiros pessoais? Que tal investir no tesouro direto? Conheça mais sobre este investimento e algumas dicas de vantagens e desvantagens.

tesouro-direto

Para quem não sabe o tesouro Direto se firmou como um dos investimentos mais favoráveis ao indivíduo e esta forma de investimento permite que o indivíduo possa investir em títulos ou pedaços da dívida pública que é chamado de títulos. Estes funcionam como notas promissórias emitidas pelo governo.

No caso, o governo vende estas notas ou títulos e o tesouro nacional recebe estes títulos e se compromete em devolver o valor pago pelo investidor, mais corrigido o valor dos juros em uma data determinada. Saiba como investir e algumas dicas são fundamentais.

Primeiro saiba a diferença entre os títulos, por exemplo, NTN-B corrige o dinheiro aplicado pela inflação, o LTN é uma aplicação prefixada, a LFT persegue a taxa básica de juros, entre outros tipos de títulos e diferenças.

Outra dica para saber se vale a pena investir no Tesouro Direto é ficar atento as notícias do meio econômico, acompanhar a economia de nosso país, como por exemplo, evitar comprar um LFT, num momento que seria mais apropriado outro tipo de título. Também tem que ser consciência que este tipo de investimento é arriscado e pode ter perdas e também ter a consciência que se o investidor se livrar dos títulos antes do período prefixado pode perder dinheiro. Mas, sabendo que se vender o papel no período determinado não há perda.

O mais importante é saber diversificar seus investimentos, podendo o investidor investir mais de um título que garante maiores ganhos. Se você tem como característica ser mais conservador, evite o título LFTs que são os mais instáveis e por isso, se você tem medo de riscos e perdas, evite esta modalidade de titulo.

Ao resolver fazer este tipo de investimento, defina prazos e objetivos, pois há títulos para longos prazos e aqueles para curto prazo que é para quem quer um investimento breve e resgatar logo, por isso se deve conhecer cada tipo de título e pensar se ele adapta-se ao se objetivo que procura.  Também precisa ficar atento aos vencimentos dos investimentos, a regra é que quanto menor o prazo maior a percentagem do Imposto de renda sobre o título, por exemplo, prazo inferior a um ano a cobrança é de 22,5%, acima de dois anos a taxa cai para 15% por isso, é bom pensar bem na escolha do título e investimento Também fique atento às taxas para aplicar e saiba o momento de maior baixa para aplicar. Com estas dicas e informações não tem como errar nos seus investimentos.

Para saber a rentabilidade do tesouro direto, conferir algumas dicas e macetes para investir e acessar o simulador do tesouro direto, acesse o seguinte site: www.tesourodireto.net.

Compartilhe, da trabalho para fazer:

Deixe seu comentário